Barra Urgente

Barra Urgente


Cálculo renal pode causar problemas cardiovasculares se não for tratado

Quinta | 25.12.2014 | 18h05
Autor: Bahia Notícias


Foto: Reprodução

A litíase renal, uma doença causada pela cristalização de sais mineral presentes na urina, está relacionada com o desenvolvimento de doenças cardiovasculares. A doença é muito comum e também conhecida como cálculo renal ou pedra nos rins. Um estudo discutido recentemente no Congresso Brasileiro de Nefrologia aponta que, a formação de cristais que acontece nos rins também pode ocorrer nas artérias coronarianas e intracranianas e causar calcificações nesses vasos.

 

Outras doenças, como a hipertensão arterial, o diabetes, a síndrome metabólica e a insuficiência renal crônica, que pode levar a perda dos rins, também são fatores de risco para pessoas com cálculo renal. O presidente da Sociedade Brasileira de Nefrologia (SBN), Daniel Rinaldi dos Santos, afirma que o primeiro passo para evitar que todos esses problemas apareçam é ingerir muita água – cerca de dois litros por dia - para obter uma urina clara.

 

Ele explica que a noite é mais comum a formação do cálculo, pois as pessoas seguram mais a urina e ingerem menos água. O nefrologista também diz que é importante evitar o excesso de vitamina C e optar por uma dieta rica em fibras e frutas, principalmente as cítricas, como laranja e limão. Também diz que é preciso buscar orientação médica para avaliar as funções metabólicas do organismo.

Comentários


Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.